Porquê o Tokio Hotel é o oposto do emo?

Porquê o Tokio Hotel é o oposto do emo?

O nome do grupo foi misturado na discussão que aconteceu no domingo passado no Domenica 5, enquanto os fãs na internet se rebelavam.

Associação equivocada

Eu não estou aqui para ser um moralista ou sugerir medidas revolucionárias para reconsiderar o destino da juventude malfadada. Não é o meu trabalho e não estaria em condições para isso. Mas foi exibida pela enésima vez, e neste caso no meio de uma transmissão na noite de domingo acompanhada por muitas mães, tias e avós, uma parceria baseada em uma associação equivocada baseada em um velho pré julgamento, infelizmente, difícil de erradicar. A associação entre todo o imaginário negativo que foi dito antes, e sobre o Tokio Hotel. O debate na casa D’Urso começou com um quadro que os citou especificamente como “banda de referência”  do emo/ Scene Queen / ou  qualquer que seja o nome, e continuou com suas canções ao fundo, enquanto eram exibidas fotos de festas em boates, muitos temas de conversa e as pessoas mais jovens neste ambiente anormal, basicamente a dizer a cada duas palavras que essas situações são normais para eles.

Agora, eu me coloco no lugar da mãe/tia/avó de uma menina de 15 anos de idade, com o quarto cheio de rostos de Bill e Tom Kaulitz, que assistiram ao quadro: Quantas riram ao perceber a estupidez da coisa, e quantas ouviram o alarme soar?

Quatro jovens cheios de vida.

Eu não sei como não notam esse equivoco generalizado que diz que os quatro alemães tem algo a ver com o mundo
emo. Talvez os cabelos pretos e maquiagem de Bill tiveram a sua quota, mas eu nem sequer preciso cavar muito fundo para compreender que os Tokio Hotel estão longe desse mundo.

Eu gostaria que os detratores estivessem completamente fora da arena no dia do concerto, queria encontrar meninas e meninos, crianças, adolescentes e adultos, estudantes e trabalhadores, encontrar uma variedade de cores, diversas formas e gêneros. Encontrar um público variado, e certamente também alguém com o cabelo em pé e leggis de leopardo, mas eles não são os únicos e nem a maioria, uma coisa não depende da outra.

O universo Emo, a qual foi feita referência na transmissão, é sem dúvida um cenário negativo.

Eu nesses quatro jovens, só posso ver valores positivos. Não são filosófos e não pretendem mudar o mundo, é claro. Mas há quatro jovens com comprometimento, perseverança, paixão e, sim com um pouco de sorte,perseguem com determinação um sonho. Um sonho saudável, puro, composto por notas e cordas de guitarra, um sonho que se chama música.
Quatro pessoas que colocam coração e alma naquilo que fazem, eles se comprometem muito a sério e nunca deixam de aprender. Respeitosos, humildes e educados, de acordo com todos os que trabalharam lá, não excluíndo o maestro que os acompanhou até San Remo.Quatro rapazes com personalidade forte e que pensam por si mesmos que não se deixam influenciar pelos insultos gratuitos. fazem uma autocritica, ambiciosa mas não gananciosa, criativos, entusiastas e muito ativos, cheio de vida.
Isso é o que temos. E não, eu não estou dizendo que o Messias veio para a Terra. Apenas quatro meninos normais que sorriem e brincam, tocam como adolescentes, e que na medida do permitido pelo status da notoriedade saem com os amigos e passeiam com seus cães. Mas também são quatro rapazes de 20 anos, que muitos jovens e velhos, famosos e não famosos, teriam algo a aprender com eles. e Quatro seres humanos normais que sejam ouvidos e jogar como todos aqueles que, dentro dos limites concedidos pela sua condição de superioridade para fora, ver os amigos, tomar s seus cães. Mas eles também são quatro jovens de muitos, jovens e velhos, famosos e não famosos, teria algo a aprender.

E suas canções são sobre seguir seus sonhos, ser você mesmo, e ter esperança no amor sob todas as formas.
Não entendo como podem dizer ou pensar que algo neles poderia incitar ou sugerir certos comportamentos nocivos. As ofensas contra eles, sua música, seus rostos, goste ou não, eles não merecem.
Eles merecem todas as meninas que estão agora a lutar com a mãe/tia/avó tentando fazê-las entender o que diz o Domenica 5 de domingo.

Fonte: Tokio Hotel Street Team Brasil

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s